A's, Oakland ficando sem tempo para fechar acordo vinculativo em 2022

  Torcedores do Oakland Athletics se reúnem antes do jogo da noite de abertura contra o Baltimore Orioles no Mo... Os torcedores do Oakland Athletics se reúnem antes do jogo da noite de abertura contra o Baltimore Orioles na segunda-feira, 18 de abril de 2022, no Coliseum em Oakland, Califórnia (Chase Stevens/Las Vegas Review-Journal) @csstevensphoto  O presidente do Oakland Athletics, Dave Kaval. (Chase Stevens/Las Vegas Review-Journal) @csstevensphoto  ' Adrian Martinez pitches against the Seattle Mariners during the first inning ... Adrian Martinez, do Oakland Athletics, lança contra o Seattle Mariners durante a primeira entrada de um jogo de beisebol em Oakland, Califórnia, quinta-feira, 22 de setembro de 2022. (AP Photo/Jeff Chiu)  ' Jesse Winker w ... O arremessador do Oakland Athletics, Adrian Martinez, reage depois de andar com Jesse Winker, do Seattle Mariners, com as bases carregadas para marcar Ty France durante o primeiro turno de um jogo de beisebol em Oakland, Califórnia, quinta-feira, 22 de setembro de 2022. (AP Photo/Jeff Chiu)  ' Conner Capel is congratulated by teammates after scoring against the Seattle ... Conner Capel, do Oakland Athletics, é parabenizado pelos companheiros de equipe depois de marcar contra o Seattle Mariners durante a terceira entrada de um jogo de beisebol em Oakland, Califórnia, quinta-feira, 22 de setembro de 2022. (Foto AP/Jeff Chiu)

O tempo está correndo para a cidade de Oakland e o Atletismo fecharem um acordo para avançar com o desenvolvimento planejado de US $ 12 bilhões do estádio à beira-mar até o final do ano.



Enquanto isso, os A's ainda estão avaliando possíveis locais de estádio em Las Vegas, caso o plano de Oakland falhe e a equipe busque a realocação.



Para que o Conselho da Cidade de Oakland realize uma votação obrigatória no projeto do Terminal Howard do A este ano, as negociações entre os dois lados precisam ser concluídas na próxima semana, de acordo com o administrador da cidade, Ed Reiskin.



“Se nosso objetivo é ter algo para consideração do conselho neste ano civil, o cronograma é muito, muito apertado para fazer isso”, disse Reiskin durante a reunião do Conselho Municipal de Oakland na terça-feira.

Se as negociações forem concluídas na próxima semana, a comissão de planejamento da cidade poderá considerar o projeto em outubro e o Conselho Econômico e Comunitário poderá revisar uma análise financeira independente sobre o projeto em novembro, levando a uma possível votação pelo conselho da cidade no final de novembro ou início de dezembro. , disse Reiskin.



29. März Sternzeichen

Apesar do cronograma apertado, Reiskin disse que o conselho está trabalhando para conseguir um bom negócio para a cidade e seus moradores. Mas com tantos problemas persistentes, o membro do conselho Dan Kalb disse que as autoridades estão por trás da bola oito.

“A comunidade, os fãs… devem se preocupar porque tudo isso já deveria ter sido feito”, disse Kalb sobre o trabalho restante que precisa ser feito para garantir uma votação obrigatória. “Se você realmente quer que isso aconteça, é melhor você falar com os A’s e fazer com que eles comecem a se certificar de que estão dispostos a nos dar um bom negócio.”

Financiamento adicional procurado



As autoridades de Oakland também divulgaram um memorando na terça-feira dizendo que estão no processo de garantir mais de US $ 321 milhões em doações necessárias para financiar a infraestrutura externa do projeto planejado do Terminal Howard.

O memorando também observou que os custos crescentes têm a cidade lutando para garantir quase US$ 183 milhões a mais por meio de uma doação do Departamento de Transportes dos EUA. O memorando observou que a cidade não estava confiante de que qualquer parte do subsídio do USDOT seria concedida.

A cidade também está explorando o potencial de emissão de títulos de obrigações limitadas para arrecadar fundos adicionais para necessidades relacionadas ao projeto. O memorando observou que esses títulos seriam garantidos por receitas fiscais incrementais geradas pelo próprio projeto e seriam usados ​​no caso de derrapagens no projeto.

Esse risco fez com que o membro do conselho Carroll Fife, que se opôs ao projeto, se preocupasse com o quão alto esses excessos poderiam chegar.

“Não temos ideia em termos de dólares e centavos de qual seria esse risco”, disse Fife.

Os planos do Terminal Howard incluem um projeto de uso misto de US$ 12 bilhões com financiamento privado em 56 acres de terra, centrado em torno de um estádio à beira-mar de US$ 1 bilhão. Além do estádio, os planos prevêem 18 acres de parques públicos e espaços abertos, moradias, hotéis e um anfiteatro.

Os A's seriam responsáveis ​​pelos custos associados à construção do estádio e desenvolvimento do entorno, enquanto a cidade seria responsável pelo trabalho externo necessário.

Os oficiais do A’s e da Major League Baseball notaram a necessidade de ter um acordo até o final do ano para que o projeto se concretize em um futuro próximo. Isso está principalmente ligado ao fato de que a prefeita Libby Schaaf está impedida de servir após este ano por causa dos limites de mandato, bem como o potencial de outras mudanças na composição do conselho da cidade no próximo ano.

Os A's têm um contrato no envelhecimento, com pouca participação no RingCentral Coliseum até 2024, e os oficiais da MLB, que deram ao Athletics a luz verde para sua busca de realocação, deixaram claro que a equipe precisa ter um novo plano de estádio em movimento até esse momento.

Nem o presidente do A, Dave Kaval, nem o comissário da MLB, Rob Manfred, foram encontrados para comentar.

Resta saber se todos os problemas podem ser resolvidos até o final da próxima semana.

“Nossos negociadores continuam trabalhando duro tentando chegar a um acordo final”, disse Reiskin. “Mas é complexo.”

Atualização de Vegas

Enquanto a saga se desenrola em Oakland, os A's continuam procurando locais para um possível estádio em Las Vegas.

8. Oktober Sternzeichenkompatibilität

Fontes indicaram na quinta-feira que os sites Tropicana e Las Vegas Festival Grounds continuam em jogo para a potencial casa do A em Las Vegas e as negociações sobre ambos estão em andamento.

Funcionários da equipe reuniu-se pelo menos duas vezes no mês passado com o magnata dos cassinos Phil Ruffin sobre o potencial de um estádio de US$ 1 bilhão no terreno onde atualmente está o Las Vegas Festival Grounds.

O comissário do condado de Clark, Tick Segerblom, cujo distrito inclui o recinto do festival, disse que as conversas entre os A's e Ruffin são reais.

“É um nível muito alto”, disse Segerblom. “Sei que há muito interesse e parece ser possível no recinto do festival.”

O site ressurgiu como um “concorrente azarão” no mês passado, depois que o A's manifestou interesse no site no ano passado. Os 38 acres estão localizados no canto nordeste da interseção da Las Vegas Boulevard e da Sahara Avenue e oferecem acesso à Interstate 15, à Strip, aos resorts da North Strip e ao centro da cidade. O local também está no caminho da rota planejada do Las Vegas Loop da Boring Co.

Segerblom disse que foi mantido a par da situação pelo lado de Ruffin, mas observou que não está intimamente envolvido nas discussões. Com o acesso que o site oferece, Sergerblom disse que torna o site um local ideal para os A's, caso eles se mudem para Las Vegas.

“Para ser honesto, seria uma ótima localização”, disse Segerblom. “É uma grande propriedade. O estádio não é tão grande, então caberia lá com certeza.”

O Tropicana, de propriedade da Bally's Corp., esteve entre os favoritos como possível local para um estádio da MLB durante a maior parte do ano passado. O local é acessível a partir da Avenida Tropicana, com acesso à I-15 a menos de 1,6 km de distância. A propriedade também fica perto do Aeroporto Internacional Harry Reid, está incluída na rota circular de Boring e fica perto da T-Mobile Arena e do Allegiant Stadium.

Em um chamada de ganhos no mês passado, O CEO da Bally, Lee Fenton, disse que a empresa estava esperando para ver o futuro da propriedade, observando que foi altamente divulgado que a empresa pretende desenvolver o site no futuro.

“Vamos administrar a propriedade no estado em que se encontra pelo menos nos próximos 12 meses até identificarmos o plano e as parcerias que queremos daqui para frente”, disse Fenton no mês passado.

Entre em contato com Mick Akers em makers@reviewjournal.com ou 702-387-2920. Seguir @mickakers no Twitter.