CARTA: Verdes contra energia verde

Na sua carta de quinta-feira “Get on board”, Frederick Hewett lamentou o ritmo da nossa conversão completa para fontes de energia renováveis. Mas pergunto-me com que frequência esse ritmo também é abrandado pelos seus colegas “verdes”, que parecem protestar e litigar contra cada novo desenvolvimento dos elementos necessários para essa transição. As minas propostas no norte de Nevada vêm à mente como ponto de partida. Ou deveríamos comprar tudo da China?



No que diz respeito à Califórnia, nenhum nevadano sensato jamais procuraria lá uma solução para qualquer coisa.